Pular para o conteúdo

Them: quem são os fantasmas da série Prime Video?

Them, a série de terror Prime Video criada e escrita por Little Marvin, segue a tendência de horrores sociais como Nós, Corra! e outros filmes de Jordan Peele, onde o verdadeiro pesadelo do racismo na América é contado através das lentes do sobrenatural.

Na primeira temporada, a família confronta os fantasmas que representam os terrores enfrentados por famílias negras naquela época. Cada espectro é uma manifestação do Homem do Chapéu Preto, que explora as fraquezas e temores individuais dos personagens.

Com a chegada da segunda temporada, um novo personagem maligno entra em cena: The Scare. Conheça as entidades de Them primeira e segunda temporadas:

Black Hat Man – Homem de Chapéu Preto

Black Hat Man - O Homem de Chapéu Preto

No universo de Them, o Black Hat Man surge como a figura paranormal de maior influência. Ele é o espírito encarregado de corromper as mentes das famílias negras que chegam a Compton.

Quando ele aparece para Lucky, tenta convencê-la a “enviar seus filhos para o céu”, uma maneira de protegê-los do ódio da sociedade branca. Manipulando o amor de Lucky, quase a induz a cometer um ato terrível contra sua filha, Gracie, usando um machado.

No entanto, os gritos dos filhos a resgatam da compulsão. A motivação por trás dos ataques do Black Hat Man à família Emory finalmente é revelada. Na verdade, seu nome verdadeiro é Hiram Epps. Ele fez um pacto demoníaco em 1800, quando uma comunidade conhecida como Eidolan ocupava o local onde agora é East Compton.

Hiram Epps era visto como um profeta capaz de se comunicar diretamente com Deus, apesar da visão comprometida. Ele cuidava de um órfão chamado Miles após a tragédia que afetou sua família, mas é o próprio Miles quem começa a corrompê-lo para o mal.

Durante um incêndio, o fogo se espalha, consome a igreja e toda a comunidade. Diante da morte iminente, Hiram é confrontado com uma escolha: morrer com todos ou obter visão e imortalidade. Ele escolhe esta última, mas o preço é alto: exterminar qualquer negro que se mude para Compton, sob pena de perder a alma.

Da Tap Dance Man – Homem do sapateado

Da Tap Dance Man é uma entidade que aparece na primeira temporada de Them.

Na primeira temporada de Them, Da Tap Dance Man surge como um espectro que assombra principalmente Henry Emory, um veterano da Segunda Guerra Mundial.

O personagem é notável pela aparência única: um homem branco com o rosto pintado de preto, evocando antigos estereótipos raciais.

O fantasma encarna a fúria contida de Henry, buscando arrastá-lo de volta aos momentos de explosões violentas que vivenciou após o retorno da guerra.

Apesar de ser consumido pela raiva em diversos momentos, Henry se recusa a se render ao controle de Da Tap Dance Man. Ele enfrenta o fantasma com sua última bala, simbolizando o fim de sua série de violência.

Ao limpar a maquiagem do derrotado sapateado, Henry revela que o fantasma é, na verdade, apenas mais um homem branco, tentando seduzi-lo para ser tudo o que seus vizinhos brancos desejavam – uma figura feroz e violenta. No entanto, Henry escolhe o amor.

A menina Dóris

Menina Dóris, entidade que assombra Ruby Lee na série Them.

Doris aparece para Ruby Lee como um ideal de beleza inatingível: loira, de olhos azuis e branca – um retrato completamente americano.

Ruby, seduzida pela promessa de aceitação, passa a ser amiga de Doris na escola. No entanto, ela não percebe as estranhas discrepâncias, como o fato da menina desaparecer quando outras pessoas se aproximam.

Em um dos momentos mais sinistros da série, Doris leva Ruby para o porão, onde uma equipe sombria espera para acolhê-la calorosamente. Ela começa a exercer influência sobre Ruby, sugerindo transformá-la em uma “pessoa bonita”.

À medida que a relação de ambas se desenvolve, Ruby começa a desconfiar das verdadeiras intenções da nova amiga. Doris tenta convencê-la de que Lucky, sua própria mãe, é responsável pela morte do irmão mais novo.

A violência gráfica da cena que retrata a morte de Chester na floresta amazônica amplifica os temores de Ruby, colocando-a em uma situação de grande angústia emocional. No entanto, com o apoio amoroso de Lucky, Ruby consegue se libertar de Doris.

A senhora Vera

a Senhora Vera, entidade que assombra a menina Gracie Jean.

A filha mais nova, Gracie Jean, sonha em seguir os passos da mãe e se tornar professora, mas após a morte traumática do irmão e o declínio emocional de Lucky, o desejo se transforma no seu pior pesadelo.

É quando Hiram, o Black Hat Man, dá vida à Sra. Vera, inspirada no livro favorito de Gracie. A Sra. Vera é uma figura sinistra que se manifesta apenas para Gracie, embora Lucky consiga sentir sua presença de alguma forma.

A velha manipula os maiores medos de Gracie: decepcionar figuras de autoridade e se tornar como sua mãe. A entidade faz de tudo para criar uma separação entre Gracie e Lucky; ela ensina à menina uma música racista.

No desfecho da primeira temporada, a Sra. Vera aprisiona Gracie em uma “sala de aula” fantasmagórica, preparada para castigá-la eternamente. A menina percebe que é o medo da Sra. Vera que lhe dá poder, e se ela não a teme, a entidade não pode controlá-la.

Quem é The Scare?

The Scare, a entidade do mal da segunda temporada de Them.

Em vez de focar em uma família atormentada por fantasmas, a segunda temporada de Them gira em torno de uma detetive de polícia, Dawn Reeve, que está investigando um assassinato terrível e brutal de uma mãe adotiva.

A entidade dessa temporada é The Scare, um ser que se alimenta dos medos das pessoas. Ele é habilmente usado como uma metáfora para explorar temas mais profundos, como trauma, vingança e a natureza do mal.

Representa a sombra interior de cada personagem, refletindo medos mais profundos e desejos mais sombrios. Aqueles que sucumbem à influência de The Scare são consumidos por sua própria escuridão interior, transformando-se em agentes do caos e da destruição.

No caso de Edmund, a transformação em The Scare é um exemplo vívido de como o trauma não resolvido e o sofrimento podem corromper a alma humana, levando-a por um caminho de escuridão e desespero.

Quem é Edmund Gaines?

Edmund é apresentado na série “Them: The Scare” como um personagem complexo e atormentado. É difícil não lembrar de Coringa, que, apesar de branco, também é marginalizado pela sociedade.

Ele é retratado como um aspirante a ator que enfrenta dificuldades na carreira e luta contra seus próprios demônios. No entanto, descobrimos que Edmund é responsável por uma série de assassinatos brutais que assolam Los Angeles quando assume a identidade de The Scare.

Tudo aconteceu antes de sua morte por suicídio: Edmund é confrontado com a entidade sobrenatural, que o seduz com promessas de poder e vingança. Consumido pelo trauma de infância e sensação de abandono, aceita o destino sombrio como The Scare.

A partir desse momento, ele se torna um instrumento do terror, espalhando medo e morte onde quer que vá. Sua raiva e ressentimento são alimentados por eventos passados, incluindo a separação de sua irmã gêmea, Dawn, e o sofrimento nas mãos de uma mãe adotiva abusiva.

Edmund é irmão gêmeo da policial Dawn?

Dawn e Edmund, dois protagonistas de Them: The Scare, série de terror no Prime Video com Final Explicado para a Revista de Entretenimento Blog da Monique
Dawn e Edmund, protagonistas de Them: The Scare, série de terror no Prime Video com Final Explicado para a Revista de Entretenimento Blog da Monique

Sim. A conexão entre Edmund e Dawn é revelada como sendo profunda e dolorosa, com os dois compartilhando uma história marcada por trauma e perda. Enquanto Dawn consegue escapar das garras do abuso e construir uma vida nova para si mesma, Edmund é consumido pelo desejo de vingança.

À medida que a série avança, descobrimos que cada uma das vítimas de The Scare tem uma ligação única com o passado de Edmund e seu próprio sofrimento pessoal. Suas mortes são tanto um reflexo de seu próprio tormento interior quanto uma expressão de sua determinação em punir aqueles que considera responsáveis por sua dor.

Quem é a mulher morta debaixo da pia da cozinha?

A velha mãe adotiva abusiva de Dawn e Edmund, Bernice Mott, foi enfiada debaixo da pia da cozinha onde os dois costumavam se esconder dela. O traficante usava seus filhos para esconder suas atividades ilícitas, assim como a mãe adotiva de Edmund.

Por que os gêmeos foram assassinados?

Todas as vítimas ao longo da série têm uma conexão única com a experiência pessoal e o trauma de Edmund, sempre com uma associação extra com Dawn.

Os gêmeos assassinados representavam o quão próximos Edmund e Dawn já foram antes de Dawn ser convencida pela mãe adotiva de que Edmund não passava de um amigo imaginário.

Depois, houve Benny, cuja ligação com Edmund reside na forma como ambos foram enviados de volta para o lugar de onde vieram (Benny para o México e Edmund para Bernice Mott).

Explicação do final de Them: o encontro de Daw e Edmund

Quando Edmund procurou Dawn no passado, antes que pudesse dizer quem é, ela o interrogou como policial e disse que o prenderia se aparecesse novamente na vizinhança.

Além de não lembrar que tinha um irmão gêmeo, a mãe adotiva de Dawn dizia que ela tinha um “amigo imaginário” quando criança, com o objetivo de fazê-la esquecer o irmão.

Durante o encontro dos dois no final da segunda temporada de Them, The Scare, Edmund tenta matar o filho dela para machucá-la. À medida que os dois se confrontam, Dawn se lembra cada vez mais do irmão.

Eventualmente, a entidade The Scare de Edmund tenta convencer Dawn a se juntar a ele. Felizmente, Dawn não cede. Em vez disso, ela faz algo inesperado: diz a Edmund que o ama e que lamenta tê-lo esquecido.

De alguma forma, isso é o suficiente para fazer a entidade The Scare fugir, deixando Edmund começar a morrer – torcendo-se e quebrando-se como suas vítimas anteriores. Parece que o Amor é o verdadeiro poder na luta contra o mal.

O que acontece com o detetive McKinney?

O detetive McKinney é um policial racista e corrupto que trabala com Dawn na segunda temporada de Them. Ele faz parte de uma seita chamada Blue Lives Matter e está envolvido em vários crimes corruptos ao longo dos anos.

Durante um confronto em sua própria casa, McKinney ataca Dawn e aponta uma arma para ela, na tentativa de incriminá-la pelos assassinatos. Ele não hesita em culpá-la, uma mulher negra que ele já repreendeu durante toda a temporada.

Uma briga se desenrola e Dawn acaba matando McKinney com um tiro em legítima defesa. Em seguida, ela informa a outro policial ferido, Diaz, sobre a necessidade de voltar para casa devido a uma emergência relacionada a seu filho, Kev, que está refém de Edmund.

Por que Dawn pede demissão do Departamento de Polícia de Los Angeles?

Dawn pede demissão após uma série de eventos que a levaram a questionar sua integridade e o verdadeiro propósito da instituição policial.

Embora tenha enfrentado ações humilhantes e comportamentos racistas por anos, foi a participação de seus colegas, especialmente do grupo de McKinney, em um ato de racismo que a fez tomar a decisão definitiva.

Them: como a segunda temporada está conectada à primeira?

Cena da série Prime Video Them mostra Ruby Lee e Gracie Jean. Entenda como a segunda temporada está conectada com a primeira.

A segunda temporada de Them foi inicialmente anunciada como uma antologia, sugerindo uma história e elenco de personagens completamente diferentes da primeira temporada.

Acontece que o episódio final revela uma conexão surpreendente entre as duas temporadas. Descobrimos que Ruby Lee Emory, interpretada por Shahadi Wright Joseph na primeira temporada, é na verdade a mãe biológica de Dawn Reeve e Edmund Gaines.

Deborah Ayorinde interpretou a esposa de Henry, Lucky, e agora ela interpreta sua neta, Dawn.

Ruby levou os bebês para a casa Mott na esperança de que eles crescessem longe do mal sobrenatural que atormentava a família Emory, mas não teve sorte nesse aspecto.

Tudo isso confirma que os Emorys não baniram seus demônios como a primeira temporada sugeriu. Eles ainda estão amaldiçoados, como pode ser visto na forma como Them: The Scare termina. É uma reviravolta alucinante.

Terceira temporada de Them

A terceira temporada de Them promete explorar ainda mais a história dos Emorys e como lidaram com a assombração de Da Tap Dance Man.

Questões sobre a gravidez de Ruby e o impacto duradouro do trauma de Edmund continuam a oferecer potencial narrativo para a série.

A presença de mais demônios imortais, antigos e novos, sugere um futuro repleto de desafios e perigos para a família de Dawn.

No geral, Them cativa os fãs com uma natureza imprevisível e cerebral, aborda questões relevantes do mundo real de maneira provocativa e perspicaz.

Aproveite para ler também:


Por Monique Gomes

Empreendedora digital, copywriter,
analista de SEO on-page, gestora de tráfego.