Pular para o conteúdo

Alerta de sátira: Como se tornar um líder de seita

A série Netflix revela um “manual” irônico que qualquer pessoa pode usar para iniciar o próprio culto. Como se Tornar um Líder de Seita é bem humorado — mas perspicaz, porque desmantela a mística dos líderes narcisistas.

Os capítulos habilmente saltam pelo hall da fama dos líderes de culto: Charles Manson, May Sun Moon, Jaime Gomez, Jim Jones, Aum Shinrikyo, para citar apenas alguns.

Porém, nos episódios, apenas algumas mulheres são nomeadas, a maioria delas em papéis coadjuvantes. E Anne Hamilton-Byrne, a única líder de culto do Juízo Final da Família (1960-1990) apareceu brevemente.

Como ser um líder de culto mergulha em rituais malucos e destrutivos; engolir curativos, sexo forçado, não fazer sexo, automutilação, castração e até cirurgia plástica obrigatória.

Peter Dinklage narra Como se tornar um líder de seita

Peter Dinklage

A estrela de Game of Thrones narra a série documental “Como se tornar um líder de seita”. Em 2021, o mesmo ator narrou “Como se tornar um tirano”.

Embora “Como se tornar um líder de seita” seja considerado o sucessor de “Como se tornar um tirano”, ambos os programas oferecem uma visão fascinante de figuras históricas brutais que acumularam seguidores infames.

A distinção entre tiranos e líderes de seitas é notável. Enquanto os tiranos geralmente são motivados politicamente e buscam acumular poder imenso, os líderes de seitas normalmente têm um alcance mais restrito.

Isso confere a “Como se tornar um líder de seita” um tom diferente de seu antecessor, já que a série se debruça sobre atrocidades individuais em vez de momentos mais amplos da história política.

No entanto, ambos oferecem uma visão arrepiante da história sangrenta da megalomania, com a voz envolvente de Peter Dinklage guiando o público através dessas sombrias narrativas verídicas.

O conceito de seita

Antes de tudo, é importante abordar o conceito de seita. Uma seita pode ser caracterizada como um conjunto de indivíduos que orbita em torno de uma doutrina, exercendo um controle intenso sobre a existência dos membros.

Essa definição abarca a presença de origens e lideranças que impactam todos os aspectos da vida das pessoas, incluindo esferas social, financeira, familiar e até mesmo sexual.

É bom destacar que nem todas as organizações religiosas podem ser rotuladas como seitas, pois muitas delas não impõem esse tipo de controle e generalizado sobre a vida de seus seguidores.

10 Características dos líderes de seita

A série retrata diferentes líderes de seitas e suas histórias. Ao analisar esses casos, é possível identificar algumas características comuns entre eles:

Percepção de si mesmos como pessoas especiais

Os líderes de seita geralmente acreditam que são únicos, especiais e superiores aos outros, ou seja, NARCISISTAS.

Sabedoria e autoridade: Eles dominam doutrinas religiosas e filosóficas, transmitindo uma imagem de sabedoria e autoridade aos olhos dos seguidores.

Carisma

Os líderes de seita são geralmente carismáticos, usando sua personalidade magnética para atrair seguidores.

Venda de um ideal

Eles prometem uma vida melhor e um propósito significativo para aqueles que os seguem, vendendo ideais utópicos.

Fazem as pessoas se sentirem especiais

Os líderes de seita reforçam a crença de que os seguidores são especiais, únicos e eleitos.

Recompensas e punições

Eles recompensam os fiéis criando um ambiente de recompensas e punições para controlar seus comportamentos.

Afastamento do mundo externo

Os líderes de seita afastam seguidores do contato com pessoas de fora, a fim de evitar influências externas.

Punição de dissidentes

Eles punem aqueles que questionam ou se afastam do grupo, muitas vezes de forma extrema.

Aumento do número de seguidores

Os líderes de seita buscam constantemente aumentar o número de pessoas que os seguem, fazendo alianças com pessoas poderosas, promovendo eventos e recompensas.

Imortalidade

Alguns líderes de seita buscam se imortalizar, deixando uma herança ou criando narrativas míticas sobre sua existência.

Perfil psicológico das vítimas de seitas

É importante destacar que as pessoas que acabam se envolvendo com seitas geralmente estão passando por um período de crise em suas vidas. Isso inclui problemas de saúde mental, estresse, depressão e outros problemas emocionais. Além disso, características como abertura a novas ideias, idade mais jovem e idealismo também podem aumentar a vulnerabilidade ao cair em uma seita.

Em resumo, a série Como se tornar um líder de seita aborda de forma provocativa e reflexiva a trajetória de diversos líderes de seitas e os comportamentos que facilitam seu controle sobre os seguidores. Também serve de alerta para evitar que crimes assim se repitam.

Aproveite para ler também:


Por Monique Gomes

Jornalista, blogueira, copywriter, analista de SEO on-page, gestora de tráfego. Fundou e editou dois jornais nas versões impressa e online. Trabalhou na Rock Content, maior agência de marketing das galáxias.