Pular para o conteúdo

Metaverso: como se preparar para as profissões do futuro?

O metaverso está crescendo a toda velocidade, atrai cada vez mais a atenção do público e se infiltra em diversos setores, como: saúde, educação, indústria e moda.

Isso está gerando uma demanda crescente por serviços especializados, criando um mercado de trabalho inteiramente novo.

De acordo com uma pesquisa da GlobalData, o mercado do metaverso está destinado a atingir a impressionante marca de US$996 bilhões em 2030.

Afinal, como participar do metaverso?

Segundo Kenneth Corrêa, especialista em negócios digitais e professor de MBA da FGV, já é possível ingressar no metaverso de duas maneiras:

1. Adaptando seu trabalho atual para esse ambiente

2. buscando novas carreiras e funções exclusivamente dentro dele.

Ou seja, o metaverso não é mais uma visão distante, mas uma realidade cheia de oportunidades profissionais.

Como é o trabalho no metaverso atualmente?

imagem que representa uma simbologia do que é o metaverso com fundo colorido psicodélico.

Kenneth afirma que o metaverso oferece uma gama de possibilidades relacionadas ao trabalho que vão de apresentação de produtos, sala de trabalho virtual até experiências imersivas de treinamento.

“Além disso, essa tecnologia permite o trabalho colaborativo em tempo real e sem limitações geográficas. Algumas empresas já estão implementando as modalidades de trabalho”, destaca.

Profissões do futuro no metaverso

Saiba quais são as carreiras que estão decolando nesse universo virtual em constante crescimento.

Desenvolvedores de Avatares

Se você é bom em criar identidades digitais impressionantes, os desenvolvedores de avatares têm uma demanda crescente para ajudar as pessoas a se destacarem no metaverso.

Estilistas de Moda Digital

A moda no mundo digital é uma indústria em crescimento, e estilistas digitais estão moldando o estilo virtual de muitas pessoas. Se você é apaixonado por moda, essa é uma carreira promissora.

Diretores de Eventos

Os eventos virtuais estão se tornando cada vez mais populares. Diretores de eventos no metaverso estão na vanguarda da criação de experiências memoráveis para o público virtual.

Professores de Metaverso

O aprendizado no metaverso é uma tendência em ascensão, e os professores especializados nessa área estão moldando o futuro da educação virtual.

Storytellers/Roteiristas

Para criar narrativas envolventes em ambientes virtuais, roteiristas e storytellers são responsáveis por cativar a audiência no metaverso.

Digital Managers

Profissionais que coordenam equipes multidisciplinares para trazer marcas para o metaverso é uma tarefa dos Digital Managers.

Além disso, Kenneth destaca que as profissões relacionadas à Web3, incluindo blockchain, NFTs e criptomoedas, estão prestes a crescer no próximo ano, uma vez que estão intrinsecamente ligadas aos metaversos descentralizados.

E para aqueles com formação em Engenharia Industrial, Engenharia Civil e Arquitetura, há oportunidades para melhorar a entrega de serviços em 3D e criar experiências imersivas para visitas a casas e apartamentos decorados, além de test drives e licitações para peças de manufatura.

Não para por aí, pois surge uma demanda por profissionais de Recursos Humanos e professores que compreendam como criar e gerenciar ambientes de trabalho e aprendizado imersivos no metaverso.

6 Habilidades desejadas para atuar no metaverso

empresário apresenta bitcoin

O metaverso está se tornando o próximo grande palco para a revolução digital, e se você está pensando em entrar nesse mundo empolgante, aqui estão as competências essenciais que podem fazer a diferença.

1. Domínio de Tecnologias Digitais

Como o metaverso é um reino virtual, é vital ter um entendimento sólido das tecnologias digitais.

Isso significa estar familiarizado com plataformas de realidade virtual e aumentada, bem como ter a capacidade de se mover e interagir em ambientes digitais.

2. Conhecimento em Programação e Design

Para criar avatares, objetos e ambientes personalizados, é fundamental ter habilidades em programação e design, especialmente em 3D.

Isso inclui conhecimento em linguagens de programação como C#, Java e Python, além de familiaridade com softwares de modelagem 3D, como Blender ou 3D Studio Max.

3. Familiaridade com Blockchain e NFTs

Devido à natureza descentralizada do metaverso e à crescente utilização de NFTs (tokens não fungíveis) para representar ativos digitais únicos, compreender blockchain e criptomoedas é altamente vantajoso.

4. Capacidades Criativas e Inovadoras

A capacidade de pensar de forma criativa é uma enorme vantagem no metaverso: seja projetando roupas virtuais, organizando eventos emocionantes ou criando narrativas envolventes.

5. Habilidades de Comunicação e Colaboração

Trabalhar de forma eficaz requer habilidades sólidas de comunicação. Isso envolve a capacidade de se expressar claramente, colaborar com outras pessoas e até liderar equipes virtuais.

6. Adaptação e Aprendizado Contínuo

A capacidade de se adaptar rapidamente e aprender novas habilidades é importante para se manter atualizado e resiliente em meio a mudanças constantes.

Cursos e formações específicas

duas jovens se preparando para trabalhar no metaverso

Conforme explica Kenneth, “já estão disponíveis no mercado cursos e formações especificamente voltados para quem deseja atuar no metaverso. Muitas dessas qualificações estão concentradas nas áreas de tecnologia da informação, design de jogos, programação, arte digital, realidade Virtual (VR) e realidade Aumentada (AR)”.

Entre as possibilidades estão:

  • Cursos de Design de Jogos e Desenvolvimento: design e desenvolvimento de jogos digitais;
  • Programação e Desenvolvimento Web: conhecimentos de programação e desenvolvimento de software;
  • Arte Digital e Modelagem 3D: cursos em arte digital, design gráfico, animação e modelagem 3D;
  • Realidade Virtual e Realidade Aumentada: base do metaverso;
  • Tecnologia Blockchain e Criptomoedas: cursos e treinamentos em blockchain são extremamente úteis.

É importante destacar que, além dos cursos formais e treinamentos, uma das melhores maneiras de aprender sobre o metaverso é, de fato, mergulhar nele. Botar a mão na massa, como se diz.

Expectativas para o mercado de trabalho

As expectativas para o mercado de trabalho no metaverso são promissoras, especialmente considerando o cenário brasileiro que, segundo Corrêa, são conhecidos pela criatividade e já estão explorando esse novo universo e desenvolvendo projetos interessantes e revolucionários.

Há uma abundância de freelancers no Brasil trabalhando neste nicho, aproveitando a flexibilidade do trabalho remoto e a oportunidade de atuar em projetos internacionais.

Eles atuam em diversas áreas, desde a programação, design gráfico, realidade virtual e aumentada, até a criação e gestão de eventos no metaverso, marketing e moda.

Percebeu como o metaverso é um cenário bastante positivo e traz mais oportunidades para os profissionais que estão preparados e dispostos a se aventurar na nova fronteira digital?

Você pode gostar de:


Por Monique Gomes

Empreendedora digital, copywriter,
analista de SEO on-page, gestora de tráfego.
  • Afinal, o que é um Beekeeper?
    Com a direção de David Ayer, o filme Beekeeper: Rede de Vingança (2024/Prime Video) entrega a Jason Statham um papel que é ao mesmo tempo novo e familiar. A jornada de Adam Clay (Jason Statham) tem início como um pacato apicultor na fazenda de Eloise. Contudo, a vida tranquila é abalada quando um grupo rouba… Leia »Afinal, o que é um Beekeeper?
  • The Bye Bye Man é real ou ficção?
    O filme de terror The Bye Bye Man (2017/MAX) traz um gancho assustador e intrigante. Há quem diga que o homem assustador existiu de verdade, mas será? Baseado em um capítulo de “O Vampiro do Presidente”, do autor Robert Damon Schneck, o filme mergulha em uma das várias lendas urbanas investigadas pelo escritor. A entidade… Leia »The Bye Bye Man é real ou ficção?
  • The 8 Show: todos ganham o prêmio em dinheiro?
    Imagine um jogo onde quanto mais alto você está, mais dinheiro você ganha? – literalmente. The 8 Show (2024/Netflix) mergulha fundo na psique humana, além de oferecer uma experiência de entretenimento intrigante. A série Netflix é um reality show fictício bem semelhante a Round 6. Oito jogadores que estão endividados por causa de problemas financeiros.… Leia »The 8 Show: todos ganham o prêmio em dinheiro?