Pular para o conteúdo

O que a cena pós-créditos de A Freira 2 significa para a franquia?

Na sequência pós-créditos de A Freira 2 o personagem Maurice (Jonas Bloquet) é possuído pelo espírito do demônio até que, com a ajuda da Irmã Irene (Taissa Farmiga), finalmente se livra da presença maligna no final do filme… ou não?

O segundo filme da freira avança quatro anos até 1956, depois que o padre Burke (Demián Bichir) morreu de cólera, Irene caiu no anonimato em um convento na Itália e Maurice trabalha como faz-tudo num internato.

Infelizmente, logo se descobre que, depois de possuí-lo no primeiro filme, Valak tem usado o corpo de Maurice para cometer uma série de assassinatos horríveis em toda a Europa.

E assim, Irmã Irene é mais uma vez chamada pelo Vaticano para remediar a situação.

Como foi no princípio, assim será no fim. Continue a leitura para saber mais.

Ed e Lorraine Warren na cena pós-créditos de A Freira 2

Em A Freira 2, somos transportados para a casa dos investigadores paranormais Ed e Lorraine Warren, interpretados por Patrick Wilson e pela irmã de Taissa, Vera Farmiga, protagonistas de Invocação do Mal de 2013 e sequências.

Ed é informado que o Padre Gordon (Steve Coulter) está ligando e tem uma emergência. Ed troca um olhar apreensivo com Lorraine e depois fala ao telefone: “Como podemos ajudar?”

Dada a colocação do pós-créditos, a implicação óbvia é que Gordon está ligando para falar sobre Maurice e que esse caso aparecerá no próximo quarto filme de Invocação do Mal: Extrema-Unção.

Invocação do Mal: Extrema-Unção

Extrema-Unção marcará o quarto filme da franquia. Em entrevista ao Collider, o diretor foi questionado se esse será o capítulo final, e ele permaneceu misterioso: “Nunca sabemos. Nunca se sabe. Veremos.”

Considerando que ainda não recebemos notícias de que as filmagens começaram, as especulações apontam que a obra deve estrear em outubro de 2024.

Mesmo que Patrick Wilson e Vera Farmiga não continuem após “Extrema-Unção”, os Warren ainda devem ser o pilar central da série. Eles apareceram em todos os filmes, exceto no primeiro “Annabelle” e prequela “Annabelle: Criação”.

Em última análise, o Universo de “Invocação do Mal” só deve continuar enquanto houver boas histórias a serem contadas em cada novo filme.

Aproveite para ler também:


Por Monique Gomes

Empreendedora digital, copywriter,
analista de SEO on-page, gestora de tráfego.